Decorações em gesso: 6 ideias para teto, parede e mais

Veja ideias de decoração em gesso para teto, parede, quarto e mais!

A tão sonhada e encantadora decoração com gesso em ambientes internos vem se tornando cada vez mais popular entre os apaixonados por decoração de interiores.

E tamanha fama não é à toa: o gesso é um material que oferece muita versatilidade e, justamente por isso, pode ser usado de diversas formas em qualquer lugar.

Seja em texturas na parede, divisão de espaços, na produção de móveis sob medida e diversos outros fins, o gesso é muito querido e útil. Continue sua leitura abaixo e veja algumas dicas de como usá-lo em sua decoração.

1. Divisão de ambientes

Cômodos mais amplos são ideais para aproveitar a maior disponibilidade de espaço e dividi-lo, seja com sala de estar e sala de jantar, sala de jantar e cozinha, quarto e escritórios, e afins.

E existem diversos meios de realizar essa divisão, seja com móveis, estantes, biombos e, é claro, painéis de gesso. Dessa forma, o amplo tamanho fica melhor aproveitado sem campos vazios que ficam sem preenchimento.

Se você for dividir um cômodo com gesso, há duas alternativas para uso: uma parede completa em gesso, também conhecida como drywall ou uma espécie de estante vazada que pode ser decorada com adornos e outros itens decorativos.

Dividir com gesso resulta na perfeita definição de união do útil ao agradável. Experimente e veja como a mudança e aproveitamento de espaço irão repaginar completamente seu lar.

Leia também: Decoração com estante: estilo e organização!

2. Decoração no teto

É de senso comum que, nos estágios iniciais do processo decorativo, o foco da decoração seja direcionado de forma horizontal a itens, objetos e móveis que ficam à nossa altura. Isso faz com que o chão e o teto sejam ignorados.

Esse pequeno erro causa um impacto grande em qualquer projeto, dando aquela sensação de que está faltando algo. Quando falamos em decoração do teto, por exemplo, temos dois elementos que fazem total diferença no espaço: a iluminação e o acabamento do teto.

Quanto a esse último, existe uma infinidade de materiais que podem ser utilizados para deixar seu lar mais acolhedor e aconchegante. Nosso foco é o gesso!

E cada detalhe é pensado com um intuito de acordo com cada ambiente, é possível usar opções que dão a impressão de elevar ou rebaixar o teto, a depender de cada cômodo.

Uma das decorações de gesso mais procuradas para o teto são as molduras, que preenchem as laterais do teto, para eliminar o aspecto básico e linear dos cantos.

Outra opção que transforma o lugar é o rebaixamento do teto com gesso que, inclusive, pode ser trabalhado com iluminações indiretas para trazer ainda mais sofisticação a seu lar.

3. Forro decorado com gesso

Ainda se tratando de decorar o teto com gesso, existem opções que vão ainda além: deixam o espaço visualmente lindo e ajudam a esconder imperfeições, seja fiação, duto do ar condicionado e outros itens presentes do teto.

A diferença das opções que trouxemos acima é que eles são mais básicos e possuem um design mais padronizado, enquanto os forros decorados trazem uma ideia de maior criatividade e inovação, com um acabamento mais personalizado para cada lugar.

Existem projetos com formatos em linha reta, curvas, iluminação embutida, com ligação entre a parede e muito mais. Para adotá-los basta planejar tudo com muita criatividade e sempre se lembrar de contar com bons profissionais para realizar o serviço.

Leia também: Quais luminárias usar em cada cômodo? Saiba mais!

4. Gesso como boiserie

Os clássicos boiseries são lindos detalhes decorativos que dão um visual mais clássico e requintado ao ambiente. Sua finalidade é direcionada exclusivamente a incrementá-lo, no entanto, o resultado é muito compensador.

Quando falamos de boiseries em gesso, existem os modelos prontos que tamanhos já definidos de fábrica e também existem modelos que podem ser adquiridos sob medida pensando exatamente no aspecto desejado para seu espaço.

Independentemente de sua escolha, o resultado ficará divino. O boiserie em gesso também é um das opções mais econômicas dentre as opções que trouxemos aqui, ideal para quem deseja começar a decorar com o material e quer começar pelos pequenos detalhes.

5. Móveis em gesso

É inegável que os móveis feitos em madeira, MDP ou MDF são lindos e trazem um acabamento perfeito para o lar. Mas se você quer sair do óbvio e inovar, também pode investir em móveis feitos em gesso.

Com eles, você traz uma decoração clean, com minimalismo e elegância para seu lar e ainda tem um leque de variedades para escolher, seja em móveis para sala, quarto, escritório e mais.

Um dos exemplos que mais adoramos são as estantes, que servem para dividir os ambientes e receber artigos decorativos agregando à decoração.

Os painéis de televisão também são ótimas pedidas para investir no gesso na sala. A ideia é fazê-lo sob medida de acordo com o tamanho de sua televisão para ter mais harmonia no espaço.

Há também a possibilidade de deixar lacunas que podem ser preenchidas com objetos de decoração e outros objetos que se conectam com a televisão.

Além desses, o gesso também pode proporcionar um lindo closet para suas roupas. Esse investimento promove um ótimo aproveitamento do quarto e pode comportar nichos e prateleiras para todas as suas roupas.

6. Parede 3D

As paredes 3D são uma tendência que vem ganhando o coração de muitos decoradores de plantão. E as opções de acabamentos são muito maiores do que podemos listar por aqui – a cada dia novas ideias e tendências vão surgindo ampliando ainda mais as opções de escolha.

Mesmo em se tratando de paredes 3D, são muitas as opções de padrões que podem ser adquiridos para seu espaço. E para conseguir esse aspecto mais trabalhado é utilizado um processo mais simples do que parece: placas.

Além de mais econômicas, as placas de gesso trazem texturas geométricas, abstratas e também há opções que imitam os tão procurados tijolinhos aparentes.

Esses acabamentos são mais recomendados para o quarto e a sala. Nossa recomendação é evitar usá-los em cômodos que retém umidade, como banheiro, cozinha e lavanderia. Isso porque, apesar de resistente, o gesso possui um ponto-fraco: a água e a umidade.

Sabemos que tantas opções fica difícil escolher qual adotar para o lar, não é mesmo? Faça uma análise de qual cantinho de sua casa está mais precisando de uma reforma – é justamente ali que você pode aplicar sua decoração com gesso. Seja qual for o resultado, o importante é começar sua reforma o quanto antes!

O que você achou deste conteúdo? Esperamos que tenha gostado e que nossas dicas tenham sido úteis para te inspirar a renovar a aparência de seu lar.

Já que estamos falando sobre materiais usados em interiores, aproveite sua leitura para conferir nosso post sobre diferença entre aço e alumínio e ver as vantagens e desvantagens de cada um.

Agradecemos por sua leitura e esperamos você outras vezes aqui no blog para acompanhar nossos conteúdos sobre decoração de interiores.

Até a próxima!

5/5 - (Total de avaliações: 1)
Post Anterior

11 tipos de mesa de jantar e como escolher a sua

Como montar um escritório simples e barato – 3 truques

Próximo Post

Deixe um comentário