4 luminárias de cozinha de apartamento para te inspirar

A cozinha é um dos ambientes mais frequentados de uma casa, não é mesmo? Por essa razão, é essencial que ela tenha uma decoração agradável e uma boa iluminação.

Isso porque é a iluminação que garante visibilidade durante o manuseio de objetos afiados, limpeza dos alimentos, etc., além de assegurar boas experiências na hora da sua refeição.

Essas razões ajudam a exemplificar a importância de investir em um bom jogo de luzes para a cozinha, não é mesmo?

Neste post, o Blog da Lemare Móveis vai te mostrar quais as melhores luminárias para especificamente, ambientes gastronômicos em apartamentos. Por ser menor, esse tipo de imóvel requer alguns cuidados na escolha da iluminação. Confira!

1. Luminárias Pendentes

As luminárias pendentes – como o próprio nome já diz – fazem parte de um tipo de iluminação um pouco diferente, pois elas não ficam fixas no teto, e sim “penduradas” por um fio.

Podemos assemelhar o seu estilo a um lustre, mas a sua funcionalidade é diferente. Os lustres direcionam as luzes para o teto, iluminando o ambiente de forma indireta, enquanto os pendentes direcionam a luz para baixo, ou seja, luz direta. Dicas:

  • Não coloque próximo aos móveis

Por estarem pendentes, é importantíssimo ter atenção na hora da instalação. Elas não podem ficar muito próximas aos móveis e equipamentos, pois a luz fica sufocada pela mobília.

  • Adeque o material com o estilo da cozinha

Os pendentes representam a modernidade. E se a sua cozinha estiver precisando de um detalhe a mais, melhor ainda!

Essas luminárias podem ser lindos pontos de destaque na decoração, então é importante adequá-las ao estilo. Rústico para casas de campo, designs inovadores para cozinhas contemporâneas, modelos coloridos para decorações joviais, etc.

  • Invista em modelos coloridos

Escolha um tom que combine com a paleta de cores da sua cozinha! Por exemplo, pendentes pretos para cozinhas industriais, dourados para clássicas, amarelos para cozinhas modernas e prata para minimalistas.

A pegada artística e criativa pode marcar presença aqui.

  • Cuide da proporção

Tome cuidado com a proporção, principalmente se a cozinha do apartamento for ampla. A proporção a que nos referimos é: tamanho e quantidade.

Quando as luminárias forem pequenas, recomendamos que você invista em 2 ou 3 e as coloque enfileiradas. O melhor local para elas é sobre a bancada americana. Já para pendentes grandes, opte por colocar somente 1 sobre a mesa ou ilha.

2. Fitas e Painéis de LED

Se você está buscando por sofisticação mas sem abrir mão do espaço físico da sua cozinha, você pode apostar na funcionalidade dos painéis de LED. Esse modelo de iluminação foi criado, basicamente, com o intuito de ser embutido ou semi-embutido.

A instalação dos painéis de LED deve ser planejada visando os locais mais usados da cozinha, como a mesa de jantar, o fogão e o balcão de preparo. Veja onde colocar cada um deles:

  • Painéis: são placas decorativas que ficam embutidas no teto e iluminam o ambiente com luz difusa. É uma ideia excelente para cozinhas com teto baixo, pois substitui pendentes e lustres. Posicione no centro da cozinha e da sala de jantar.
  • Fitas: são faixas de luz que colocamos que locais menos iluminados, por exemplo: dentro dos móveis e embaixo dos armários aéreos. É a opção perfeita para valorizar os móveis do apartamento! Dá para colocar até dentro de sancas de gesso no teto.

Com essas luminárias, você terá um espaço muito bem iluminado e com acabamentos incríveis, já que os painéis de LED possuem designs modernos e inovadores. É por essas e outras razões que eles são super recomendados para fazerem parte da cozinha.

3. Lustres

Os lustres também podem fazer parte da sua cozinha, pois, além de serem uma ótima forma de iluminação, eles agregam muito à decoração do ambiente.

É necessário considerar o tamanho do lustre na cozinha, já que ele chama bastante atenção. Então, pesquise modelos pequenos, médios e grandes. Assim, você encontra a luminária ideal, que pode ser apenas para iluminação ou a atração principal da sua cozinha.

Entre os principais materiais que você pode encontrar, há:

  • Cristal;
  • Metálico;
  • Ferro forjado;
  • Madeira;
  • Acrílico;
  • Palha.

Já quanto ao design, as principais opções são:

  • Provençal;
  • Imperial;
  • Industrial;
  • Retrô;
  • Molecular (sputnik);
  • Rústico;
  • Moderno.

Normalmente, os lustres, mesmo do estilo minimalista, possuem detalhes requintados. Assim, um é suficiente para tornar o ambiente elegante. Caso o apartamento tenha pé direito alto, invista em painéis, fitas de LED e spots para iluminação secundária.

4. Spots

Os spots direcionam as luzes – assim como as luminárias pendentes – mas a instalação é diferente. Instalados diretamente na parede ou no teto da cozinha de forma sobreposta ou embutida, são considerados mais utilitários que decorativos.

Então, uma dica nossa é: aposte em uma iluminação principal e tenha os spots como luz auxiliar. Assim, será possível realçar pontos específicos da sua cozinha, podendo variar os métodos de iluminação direta, difusa e indireta.

  • Spots de trilho: colocados no centro da cozinha, mesclando a direção das luzes para o interior dos móveis, mesa de jantar e solo;
  • Spots embutidos: posicionados no teto da cozinha com distância de 15 cm entre eles, coloque próximo aos móveis e sobre a bancada central.

O que avaliar antes de comprar luminária para apartamento?

Independente da iluminação que você gostar, é essencial pensar em elementos para que a escolha não seja errada, como:

  1. Tamanho da cozinha – busque por jogos de iluminação inteligentes, que ampliem a sensação de espaço;
  2. Superfícies refletoras – dependendo do material do piso e das bancadas, um LED branco de luz direta pode refletir e incomodar;
  3. Decoração e design do espaço – pode parecer um detalhe, mas a luminária realmente muda todo o visual de um cômodo;
  4. Cores usadas no ambiente – se a sua decoração é toda em tons como azul, roxo, gelo e branco, uma luz amarela pode deixar o visual da cozinha incoerente e bagunçado ao olhar;
  5. Layout e funcionalidade – lustres são sempre lindos, mas se não conseguirem iluminar a bancada em que você cozinha, eles atrapalham o uso do cômodo;
  6. Lâmpadas e consumo de energia – os modelos de LED são os mais econômicos do mercado atual, vale a pena investir para economizar na conta mensal de energia.

Com essas dicas, a cozinha do seu apartamento ficará mais funcional, estilosa e agradável de usar. Caso queira mais dicas, o nosso post “dicas infalíveis para otimizar espaço na cozinha” vai te ajudar!

E então, o que achou do conteúdo de hoje? Aqui, no Blog da Lemare, você sempre encontra informações incríveis sobre decoração, organização e móveis. Não deixe de nos acompanhar semanalmente!

Dica extra: temos um artigo sobre as melhores mesas para apartamento pequeno que vai fazer toda a diferença na decoração do seu lar!

Avalie este post
Post Anterior

Ideias para quarto pequeno: 6 para decorar e organizar bem

Aço cromado enferruja? Compare o material com o aço inox

Próximo Post

Deixe um comentário